segunda-feira, 31 de outubro de 2016

REFLEXÕES

NA LUTA DO ENTENDIMENTO
Em tempos de enfrentamentos toda gente se estiola ante os embates constantes que multiplicam obstáculos intermináveis, parecendo impossíveis de serem vencidos.
As crises materiais e morais estão presentes na vida do homem de longa data, lhe desafiando as resistências, vencendo algumas e tombando em outras. O que se deve compreender é que, não sendo perfeito ele não pode produzir instituições perfeitas, sua ignorância e imperfeições atrapalham o bom funcionamento destas, corrompendo-as e muita vez, induzindo-as à falência e destruição. Assim, sempre estará se levantando dos escombros do que fez ruir, até que queira mudar sua própria natureza, melhorando o mundo onde vive.
Tudo passa, asseveram os sábios da humanidade, o que não passa é o necessário empenho de cada um em aprender também com os próprios erros. Por mais difíceis sejam os cenários humanos cabe ao homem buscar a causa dos males que experimenta em si mesmo, sendo ele o autor de tudo o que lhe acontece. Asseveram os espíritos venerandos: “sois artífices da vossa própria imortalidade”, deste modo, desde o pensamento em desalinho até as atitudes indignas, tudo concorre para que o mal aconteça na sua e na vida de todos.
Ao invés de espalhar ondas de pessimismo por toda parte, deve o homem pacificar o seu coração, fazer tudo o que puder em benefício de si mesmo e do próximo.
Quando os homens reformarem-se a si mesmos reformarão também as suas instituições e o bem será regra no mundo. Ensinou o Senhor Jesus: “A cada um segundo as suas obras”.
É ANTIGA A INDICAÇÃO: CONHECE-TE A TI MESMO.

Autor: Adelvair David 

Nenhum comentário: