REFLEXÕES


SIMPLICIDADE
As muitas necessidades que o homem vai criando em torno da sua existência o enche de ansiedades e aflições.
A vida moderna, com todos os seus atrativos, convencionou que felicidade é poder satisfazer todas as vontades e ir a toda parte.
Asseveram os espíritos venerandos que existe uma felicidade comum a todos os homens: “com relação à vida material, é a posse do necessário. Com relação à vida moral, a consciência tranquila e a fé no futuro.” Satisfeitas, estas seriam condições suficientes para que toda gente pudesse experimentar bem estar e alegria de viver, considerando-se ser a Terra um mundo de provas e expiações onde o conforto interior e exterior como se deseja é possibilidade remota entre a maioria; aqui, o homem sofre naturalmente os efeitos das próprias imperfeições que lhe impedem as realizações completas.
Ser simples não é ser desleixado, esquecer-se dos seus deveres com relação à aparência, bom gosto e delicadeza; é a capacidade de ser acessível, de não criar distâncias e complexidades em relação aos seus irmãos. É ser dócil, consciencioso dos seus deveres sociais e morais, é não se deixar possuir pelo que se tem, é viver para amar e servir como fez o autêntico Senhor deste mundo, o mestre Jesus. Ele possuía a verdadeira autoridade, foi simples e amigo de todos, para que o seu amor pudesse impregnar e transformar corações ao seu contato amoroso; tendo procedido desta maneira, deixou para a humanidade exemplo infalível e único que jamais será substituído ou equiparado, o nobre norteamento para tantos quantos desejam ser felizes e fazer os outros felizes.
Neste entendimento, ser simples é tarefa inadiável ao homem que ruma irremediavelmente para a sua destinação, a felicidade sem mácula que o aguarda no futuro.
SIMPLIQUE-SE PARA QUE A SIMPLICIDADE LHE TRAGA PAZ.

Autor: Adelvair David     

Comentários

Anônimo disse…
Que Jesus possatrabalhar em todos nós essa simplicidade, e que sejamos receptíveis a esse auxílio.Que assim seja.

Postagens mais visitadas deste blog

REFLEXÕES

REFLEXÕES