terça-feira, 15 de outubro de 2013

REFLEXÕES


CONSCIÊNCIA E LUCIDEZ
Dá conta da tua administração – Jesus
Uma das fugas psicológicas mais espetaculares em relação às advertências da vida para com o homem é a de não toma-las para si mesmo.
Entretido pelo orgulho exacerbado que lhe paralisa a autocrítica, caminha acreditando estar acima de qualquer corrigenda; os outros erram ele apenas se engana, esconde-se sempre atrás de uma desculpa para folgar nas mais complexas situações e complicações de sua autoria, sem assumi-las.
Ouvindo algo interessante e instrutivo, procura logo lembrar-se de alguém para quem a mensagem certamente serviria, tratando de embaçar a clareza do ensinamento para não ter tempo de refletir.
Há também aquele que surpreendido ou descoberto no comportamento inadequado revolta-se, blasfema, atira coisas em explosões de insana atitude emocional, empunhando a espada verbal para ressaltar os defeitos dos outros, dizendo-se perseguidos assumindo a preocupante posição de vítima.
Em ambos os casos com nuances que vão ao infinito nas suas interpretações, sem apresentar aqui análise simplória, o que se pode dizer é que, cada espírito neste mundo traz a bagagem boa ou má de suas conquistas nas muitas existências que já experimentou; elas são tendências que quando negativas manifestam-se pelos canais do orgulho impedindo a pessoa de crescer. Se forem boas expressam-se através do amor a ninguém prejudicando, apenas auxiliando.
O conhecimento simplesmente não altera este cenário deformado do comportamento emocional. Necessário adquirir-se consciência a respeito daquilo que se deseja aprender, tendo como ponto de partida as pequenas corrigendas. O interesse por falar e viver a verdade, pelo bem estar da humanidade especialmente daqueles que estão mais próximos, propiciará o nascimento de um novo caráter que irá retificar áreas morais danificadas da sua natureza íntima.
Todo o homem deve a si mesmo satisfações conscienciais, mais cedo ou mais tarde, nesta ou noutra vida terá de fazê-lo, atendendo ao ensinamento do Cristo: “Dá conta da tua administração”. Dizia o querido Chico Xavier, o apóstolo do amor e da mediunidade: “O bem que fizeres agora, será o teu advogado em toda parte”.
Ser bom não é apenas um projeto filosófico dos mestres da humanidade, em especial do Senhor Jesus. É lição de casa que o espírito precisa fazer se desejar se feliz.

EM TUDO E PARA COMTODOS, O AMOR SERÁ SE4MPRE A MELHOR ESCOLHA DO ESPÍRITO.
Autor: Adelvair David

Nenhum comentário: