sexta-feira, 25 de novembro de 2011

DA NOSSA ENQUETE SOBRE EUTANÁSIA VEJAMOS...


Eutanásia à luz do Espiritismo


Um homem agoniza presa de cruéis sofrimentos. Sabe-se que o seu estado é sem esperanças. É permitido poupar-lhe alguns instantes de agonia, abreviando-lhe o fim?

São Luís – Paris, 1860.

- Mas quem vos daria o direito de prejulgar os desígnios de Deus? Não pode ele conduzir um homem até a beira da sepultura, para em seguida retirá-lo, com o fim de fazê-lo examinar-se a si mesmo e modificar-lhe os pensamentos? (...)

Aliviai os últimos sofrimentos o mais que puderdes, mas guardai-vos de abreviar a vida, mesmo que seja apenas em um minuto, porque esse minuto pode poupar muitas lágrimas no futuro.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

NÃO PERCA!

8ª FEIRA DO LIVRO ESPÍRITA
do Grupo Espírita Beneficente Maria Dolores
Será no estacionamento do SUPERMERCADO PROENÇA
em JALES-SP
de 17 a 23 de Dezembro de 2011, no horário de funcionamento do supermercado
VENHA NOS VISISTAR, SERÁ UM PRAZER RECEBÊ-LO
teremos muitas novidades e obras consagradas e muitas promoções
dar um livro espírita de presente é deixar um rastro de luz no coração do outro. Presenteie neste Natal com este gesto de carinho
informações pelo e-mail: addavid@ig.com.br

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

"Foi Moisés quem abriu o caminho; Jesus continuou a obra, e o Espiritismo a arrematará".
 (O Evangelho Segundo o Espiritismo, Cap.1, item 9)

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

REFLEXÕES


A FINALIDADE DA VIDA.

A vida é a expressão máxima  do amor de Deus.

O espírito, por Ele criado, simples e ignorante, ou seja, sem conhecimento algum e desprovido de experiências deve caminhar na Sua direção por seus próprios esforços.

Existe um determinismo na lei divina, à que todos os espíritos estão sujeitos;  o de evoluir. Assim determinou o criador, e é uma de Suas leis universais; mais cedo ou mais tarde cada qual atingirá o estado de excelsitude, a condição de anjo.

Na experimentação através do contado com a matéria, investigando-lhe as entranhas,  manipulando-a, o espírito vai aprendendo e angariando recursos que necessitará no carreiro evolutivo, atingindo plenitude intelectual. É o desenvolvimento dos seus potenciais criativos, que vão se delineando lenta, porém progressivamente, dando-lhe bagagem essencial que carregará consigo para a eternidade. Em cada Existência através da reencarnação se prepara para um dia tornar-se co-criador, recebendo de Deus a tarefa de auxiliar na administração da obra da criação.

Porém, é necessário que nesta caminhada também sejam desenvolvidos os seus sentimentos, que o completarão como ser angélico, onde a sabedoria e o amor infinitos serão a sua condição.

Neste sentido orientou Jesus: “Ama o teu semelhante como a ti mesmo”, elucidando que é a inter-relação humana que oportunizará o aparecimento dos bons sentimentos e permitirá a correção dos sentimentos negativos – salientados através do desafio da convivência – para a sua própria glória, conquistada a custo de trabalho e dedicação à vida.

Deus é amor, afirma o evangelho, e  toda a sua lei é de amor; tudo no universo segue este princípio. Portanto, o homem deixará para trás a sua ignorância e adquirirá luzes na sua razão e como ápice do seu amadurecimento emocional e moral, o amor.

Assim, a finalidade da vida é a ascensão do espírito para Deus, nos enfileirados milênios, que por sua escolha, se fará mais rápido ou não – dependendo do seu desejo – até o estado de pureza.

Asseverou Allan Kardec. Amai-vos e instruí-vos, este é o caminho para a felicidade mesmo que relativa como é a da Terra, aonde a vida vai alcançando a sua finalidade maior.

O conhecimento concede medidas reais à razão e o amor ilumina o coração.

Adelvair David – www.addavid.blogspot.com

PALESTRA ESPÍRITA COM DIVALDO FRANCO


SERÁ NO DIA 17 DE NOVEMBRO, Quinta-Feira AS 19h30min
Local: Sede Social do PALESTRA ESPORTE CLUBE em Sao José do Rio Preto-SP