domingo, 25 de abril de 2010

REFLEXÕES

NEGATIVIDADE
Enquanto o pessimista vê tudo como se nada tivesse jeito, o negativista até acredita que as coisas possam ter solução, mas não para ele.
Todo mundo tem um lugar ao sol, só ele não; a vida o condenou; profetiza ele estar sempre numa posição subalterna ou inferior, de onde tem certeza nunca sairá.
Instalado confortavelmente na posição de vítima, de irremediável condenado ao sofrimento, o negativista afirma ser possuidor de um destino cruel, de algum castigo divino que não lhe permite sorrir.
Se alguém lhe apresenta algo que deu certo, que pode trazer-lhe mais conforto, prosperidade, ele responde enfaticamente: – Não para mim!... Tudo dará errado; para você sim. Para mim é sempre a mesma coisa, eu nado muito e morro na praia, e se desfaz em lamentações.
Quando analisamos tal comportamento, verificamos que, na maioria das vezes, como traço marcante da sua personalidade, o negativista é portador de tendência à ociosidade e ou à indolência; existe um certo amolentar na caminhada quase sem movimento destas almas que não desejam fazer esforços para viver.
Assevera-nos o evangelho do Cristo: buscai e achareis; batei à porta e se vos abrirá; cada esforço, cada passo é estímulo novo para o espírito em crescimento. Quem trabalha e medita nas lições do evangelho de Jesus, dinamiza em si mesmo recursos transformadores, modificando-lhe a vida para melhor.
As provas da vida têm por objetivo desafiar o espírito humano ao seu desenvolvimento e aprendizado. É através das escolhas, do recomeçar sempre, da alegria do caminhar sem esmorecer que nascerão as simbólicas asas da angelitude, a chamada felicidade dos eleitos, que se tornaram instrumentos dóceis aos desígnios de Deus, robustecidos no Seu amor, diminuindo nas jornadas existenciais o tempo de sofrimento, resultado das escolhes menos felizes.
É necessário não retardar a própria edificação, trabalhando para o enobrecimento da vida.
FAZE CONFIANTE, DEUS TE AUXILIARÁ
Autor:Adelvair David - Publicada no jornal "Folha Noroeste" da cidade de Jales-SP, no dia 25 de abril de 2010.

3 comentários:

devarley disse...

DAVID, REFLEXÃO ATUAL E UTILÍSSIMA.
ELABORAÇÃO ESMERADA.

DEVARLEY disse...

reflexão atualíssima super útil.

elaboraçao esmerada.

Ana Maria disse...

cai como uma luva quando não acho as palavras para melhor explicar certa situação.